UNIPAR - UM ESPAÇO PARA O SEU TALENTO

 
NOTÍCIA

Alunas de Arquitetura e Urbanismo ministram oficina de desenho na Casa da Paz

Publicado em: 07/08/2018 às 17:00

A entidade atende mais de oitenta crianças em horários que não estão na escola

Crianças da Casa da Paz participam de oficina de desenho com acadêmicas de Arquitetura
Crianças da Casa da Paz participam de oficina de desenho com acadêmicas de Arquitetura
Crianças da Casa da Paz participam de oficina de desenho com acadêmicas de Arquitetura
Crianças da Casa da Paz participam de oficina de desenho com acadêmicas de Arquitetura
Cartunista umuaramense Jho Oliveira também participou da atividade
Cartunista umuaramense Jho Oliveira também participou da atividade
Cartunista umuaramense Jho Oliveira também participou da atividade
Professora Paula com as acadêmicas de Arquitetura e Urbanismo que fizeram parte da oficina de desenho

Fazer contato com a comunidade e compartilhar conhecimentos adquiridos na graduação são relevantes para uma boa formação acadêmica. Pensando nisso, o curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Paranaense – Unipar, Unidade de Umuarama, levou um grupo de acadêmicas à Casa da Paz para uma oficina de desenho.

Amanda Correa, Isabela Beliato, Yasmin Zanato, Thayana Pinheiro e Alinska Selinger ensinaram técnicas de desenho e de pintura, de rosto e cabelo. A coordenadora do curso, professora Paula Gomes, acompanhou os trabalhos no evento, que contou também com o apoio do cartunista umuaramense Jho Oliveira. Mais de trinta crianças e adolescentes participaram.

A proposta da atividade foi a criação de uma lembrança para as mães, mas, de acordo com o vínculo familiar, a criança também poderia entregar para avós, tias, madrastas, ou qualquer outra referência feminina que tivesse. Todas participaram com muita empolgação do desafio.

A professora Paula explica que a ideia foi levar uma iniciação no aprendizado da ferramenta do desenho como meio de comunicação gráfica, por meio de linhas, formas e texturas, além de estimular a imaginação e criatividade. “Foi um grande prazer participar dessa atividade, pois as crianças estavam bastante interessadas! Também foram muito receptivas para com nosso grupo”, afirma.

A acadêmica Yasmin defende que o desenho é importante para o desenvolvimento da criança. “Eu me senti realizada por poder transmitir pelo menos um pouco do meu conhecimento para cada uma delas”, enfatiza. E acrescenta: “Depois de certa idade as pessoas não dão mais tanto valor ao ato de desenhar, que passa a ser visto com algo simples, sem importância. Lembramos que foi a primeira forma de o homem se comunicar e que é fundamental valorizá-lo.”.

Já a acadêmica Alinska ressalta o fato de ter também aprendido muito no contato que fez com as crianças. “Foi tocante presenciar a demonstração de afeto e respeito que dedicaram a nós. No decorrer dessa troca de informações ficamos mais sensibilizadas com a vida dessas crianças e jovens que precisam do nosso apoio para atingir seus sonhos e objetivos”, declara.

Para o artista Jho Oliveira, ter feito parte desse projeto foi uma experiência de conforto: “Doar nosso tempo para o próximo fazendo o que a gente mais ama é sempre muito gratificante! Ver as crianças desenhando, se divertindo foi uma vivência muito feliz!”.

Prometendo colaborar mais vezes com a Casa da Paz, considera: “Desenhando, a criança esquece os problemas que está vivendo para simplesmente colorir. O desenho tem uma função terapêutica que dá para analisarmos desde sua história até o que está sentindo. Por isso foi gratificante”.

Redes sociais>