UNIPAR - UM ESPAÇO PARA O SEU TALENTO

 
OUVIDORIA TRABALHISTA

Acesso online:

Criar ou recuperar sua senha
NOTÍCIA

Concurso de Maquetes: Grandes obras da engenharia são colocadas em exposição

Publicado em: 30/06/2017 às 17:00

Barragem Hoover, Ponte Estaiada de São Paulo, Canal do Panamá, Estádio do Maracanã, Museu Oscar Niemeyer atraíram a atenção dos estudantes da Unidade

Professores Tiago Augusto e Mariana Natale com o grupo vencedor, que criou a maquete da Ponte Estaiada, de São Paulo
Concurso de maquetes reuniu algumas das maiores obras do Brasil e do mundo
A maquete da Ópera de Arame, de Curitiba, ficou em segundo lugar
A maquete do Maracanã rendeu o terceiro lugar ao grupo quatro
Trabalhos ficaram expostos a todos os acadêmicos da Unipar
Grupos realizaram pesquisas sobre as obras e depois construíram as maquetes

Um concurso de maquetes instigou a criatividade dos estudantes do curso de Engenharia Civil da Universidade Paranaense – Unipar, Unidade de Toledo. Divididos em sete grupos, 35 alunos foram desafiados a construir maquetes de grandes obras do Brasil e do mundo (em 23/6).

A atividade da disciplina de Introdução à Engenharia e Materiais de Construção I começou com a pesquisa. Depois de muita dedicação, estudo e esforço, as equipes surpreenderam, criando as maquetes da torre Burj Khalifa (Emirados Árabes), Barragem Hoover, Ponte Estaiada (São Paulo), Canal do Panamá, Estádio do Maracanã (Rio de Janeiro) e Museu Oscar Niemeyer e Ópera de Arame, ambos de Curitiba/PR.

Depois de prontas, as obras foram colocadas em exposição no pátio do Câmpus, atraindo a atenção de professores e estudantes dos outros cursos, que ficaram encantados com as miniaturas de algumas das maiores realizações da engenharia mundial.

Cada grupo fez as explanações da maquete produzida e respondeu as perguntas da comissão julgadora, formada pelos professores do curso. A maquete da Ponte Estaiada, de São Paulo, foi a vencedora do concurso; em segundo lugar ficou a Ópera de Arame e em terceiro o Estádio do Maracanã.

“O resultado foi excelente, com os alunos tendo a oportunidade de conhecer, em escala real, algumas das principais obras da engenharia civil”, conta o coordenador do curso, professor Tiago Augusto Pigozzo, ressaltando que o trabalho enriqueceu o aprendizado dos futuros engenheiros civis. 

Redes sociais