UNIPAR - UM ESPAÇO PARA O SEU TALENTO

 

0800 601 4031

NOTÍCIA

Umuarama: Sustentabilidade é destaque na jornada de Engenharia Civil

Publicado em: 09/11/2010 às 16:50

Iniciado na segunda, o evento segue hoje com discussões sobre fatores que impulsionam o setor da construção civil

Durante três dias estudantes participam dos debates
O palestrante Marcos Mauro Filho
O coordenador do curso, professor Everlei Câmara
Os professores Décio Baraviera e Wanda Bononi
Câmara com o diretor do Campus-Sede, professor Nilvio Ourives de Souza

“Nos dias de hoje o processo de transformação do conhecimento em tecnologia acontece em uma grande velocidade. Por isso, devemos nos manter sempre informados sobre as mudanças e novidades do mercado da construção civil”. Com esta afirmação o coordenador do curso de Engenharia Civil da Universidade Paranaense, professor Everlei Câmara, abriu a 1º Jornada Acadêmica de Engenharia Civil da Unipar.

Desde segunda, 8, professores, estudantes e profissionais estão reunidos para trocar experiências e debater temas emergentes da área. Câmara destacou também que o momento é oportuno para isso: “Nosso setor registra, neste momento, um dos maiores crescimentos da sua história. Por isso devemos parar para avaliar nossa atuação presente e projetar com visão no futuro e que esse seja um compromisso de todos”.

O coordenador chamou a atenção dos estudantes para refletirem sobre isso, acrescentando que o campo profissional do engenheiro civil, obviamente, se amplia na mesma proporção: “A construção civil alavanca o progresso do Brasil nos próximos anos; e a engenharia civil ganha notoriedade, proporcionando várias opções de trabalho e estudo, com alta diversidade e complexidade”.

Entre os temas abordados em palestra estão ‘Exercício Ético da Profissão’, com o técnico do CREA-PR, Wanderley Vaz de Araújo, e ‘Interação entre Academias e a Indústria da Construção Civil’, com o presidente do SindusCon-NOR (Sindicato da Indústria da Construção Civil da Região Noroeste do Paraná), engenheiro Marcos Mauro Filho, que fez um panorama das necessidades da profissão e ressaltou sobre o que o mercado espera do engenheiro que está saindo das universidades.

As representantes do ‘CREA Jr-PR’, estudantes de Arquitetura e Urbanismo Fernanda Figueira e Geane Rosa, ganharam espaço para apresentar os princípios que regem o órgão. Colaborar com a formação profissional, trabalhando com ações que aproximem os estudantes das áreas de engenharia, arquitetura e agronomia da realidade profissional é o principal objetivo, destacaram.

Palestras sobre ‘Responsabilidade Técnica Civil e Criminal’, ‘Alvenaria estrutural’ e ‘Recalque de fundações’, entre outros temas, entraram na programação, que priorizou também uma oficina sobre o software Corel Draw.

Água da chuva

Sustentabilidade foi um dos pilares dos debates da 1ª Semana Acadêmica de Engenharia Civil. Obras voltadas a viabilizar o aproveitamento da água da chuva como solução econômica e principalmente ecológica são cada vez mais difundidas e valorizadas Brasil afora. A palestra sobre o assunto foi ministrada pelo engenheiro civil Milton Toshiyuki Sanada Júnior.

Aos estudantes da Unipar o profissional informou que já existem recursos técnicos altamente competentes para isso. Várias indústrias desenvolvem reservatórios e sistemas coletores e distribuidores que garantem eficácia total.

O coordenador do curso disse que colocou o tema na pauta da jornada pela sua importância social. “Trata-se de uma alternativa que deve ser constantemente reavaliada; considerando que nosso curso prima por uma sólida formação técnico-científica e profissional e motiva o estudante a pensar em formas críticas e criativas de resolução de problemas, sem deixar de lado aspectos políticos, econômicos, sociais, ambientais e culturais, o tema é crucial”, diz Everlei Câmara.

Redes sociais>