UNIPAR - UM ESPAÇO PARA O SEU TALENTO

NOTÍCIA

Francisco Beltrão: Cursos da saúde participam de campanha contra poliomielite

Publicado em: 03/09/2010 às 15:20

A ação envolveu mais de cinquenta acadêmicos de Enfermagem, Farmácia, Nutrição e de Ciências Biológicas com um objetivo em comum: orientar pais e vacinar crianças contra a paralisia infantil

Acadêmicos da UNIPAR contribuem com a Secretaria de Saúde na campanha de vacinação contra poliomielite
Equipe leva vacina para pontos estratégicos da cidade
Equipe leva vacina para pontos estratégicos da cidade
Equipe leva vacina para pontos estratégicos da cidade

A 2ª etapa da campanha nacional de vacinação contra a poliomielite teve boa repercussão em Francisco Beltrão. A ação contou com o apoio de acadêmicos dos cursos de Enfermagem, Farmácia, Nutrição e de Ciências Biológicas da Universidade Paranaense – UNIPAR (em 14/8). As formandas de Enfermagem, além de atuarem na vacinação, auxiliaram na distribuição das vacinas em pontos estratégicos da cidade, orientando os vacinadores sobre cuidados ao administrar a dose.

As informações preventivas foram importantes para o bom êxito da campanha, pois, além de profissionais da saúde, voluntários também participam. Para atingir a meta de vacinar 5.408 crianças, menores de cinco anos, o município formou uma equipe de cerca de trezentas pessoas, distribuídas em 98 pontos de vacinação. Mais de cinquenta acadêmicos e uma professora do curso de Enfermagem atuaram em onze roteiros, que incluíram escolas, mercados e polícia rodoviária, além do interior.

“A participação dos acadêmicos, principalmente os de Enfermagem, é de grande relevância para o aprimoramento profissional, pois é oportunizada a percepção da complexidade de se organizar uma campanha de vacinação, cuja meta é imunizar 95% das crianças menores de cinco anos de idade”, ressaltou a coordenadora do curso, Lediana Dalla Costa.

A professora destaca que, embora o país esteja oficialmente livre do agente infeccioso da poliomielite, desde 1994, as campanhas devem continuar, pelo fato de que o vírus ainda circula em alguns países da África e Ásia.

“No último dia da campanha, o município havia atingido 93% da meta; como ainda continua sendo feita a vacinação nas unidades básicas de saúde, de crianças que não compareceram no dia 14, certamente vamos superar as expectativas”, informou.

Redes sociais>

Horário de Atendimento

Seg. à sex. das 15h às 21:20h
Sáb. das 08h30 às 12h50
Ou ligue: 0800 601 4031