UNIPAR - UM ESPAÇO PARA O SEU TALENTO

NOTÍCIA

Francisco Beltrão: UNIPAR participa de evento contra exploração sexual de crianças

Publicado em: 19/05/2010 às 16:58

Acadêmicos e professores repassam informações à comunidade em evento temático: ‘Os pervertidos sexuais do século 21 estão dentro de casa’

Equipe da Unipar participa de ação no Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças

No Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças (18/5), a Universidade Paranaense - UNIPAR e parceiros realizaram um evento na Praça Dr. Eduardo Virmond Suplicy, em Francisco Beltrão. O objetivo foi combater o silêncio e a indiferença da sociedade, muitas vezes influenciada pela cultura de impunidade dos agressores.

Segundo psicólogos, os danos desse crime afetam o desenvolvimento físico, psíquico, social e moral das vítimas. “No aconchego do lar, aquele que deveria ser a figura que transmite segurança e proteção, torna-se o agressor”, diz a psicóloga do CREAS (Centro de Referência Especializada de Assistência Social), Sabrina Machado.

Conforme dados, em Francisco Beltrão, as vítimas do abuso sexual são meninos e meninas entre 4 e 16 anos e, geralmente, 80 % dos casos de abuso são cometidos por alguém da família (pai, padrasto, tios, entre outros).

Em folder é destacado que, em algumas situações, existe o jogo sexual, manifestado com presentes, carícias e manipulação dos órgãos sexuais da criança: “Este tipo de crime dificilmente será comprovado pelas autoridades sem que haja denúncia”.

Dados da Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República confirmam que de 2003 a 2009 houve mais de 2300 atendimentos, através do disque denúncia (disque 100), sendo que 39% foram denúncias de exploração sexual e 59% de abuso sexual. O Paraná está em 22° no ranking nacional de denúncias.

O evento contou com o apoio do PROVE (Programa de Valorização da Educação).

Redes sociais>

Horário de Atendimento

Seg. à sex. das 8h às 14h20
Sáb. das 8h às 12h
Ou ligue: 0800 601 4031