UNIPAR - UM ESPAÇO PARA O SEU TALENTO

NOTÍCIA

Guaíra: delegacia recebe instalação de exaustores no complexo carcerário

Publicado em: 05/05/2010 às 15:29

O projeto irá colaborar com a qualidade de vida dos presos que sofrem com a superlotação. São 256 detentos vivendo num espaço construído para 50

Foram instalados 12 exaustores no complexo carcerário
Os aparelhos reduzirão a temperatura interna das celas
O projeto de instalação foi elaborado pelo SAJUG
Técnicos realizando as instalações
Daniela Sinhorini ao lado do delegado José Carlos e o escrivão de polícia Valmir Barato
Daniela Teixeira Sinhorini os estagiários Vanderlei, Silmara e Diogo

A delegacia da polícia civil de Guaíra está comemorando a instalação de exaustores no complexo carcerário. O projeto de implantação foi elaborado pelo SAJUG (Serviço de Assistência Judiciária Gratuita) da Universidade Paranaense – UNIPAR e enviado ao Conselho de Execução Penal, que aprovou a execução.

Foram instalados 12 exaustores. A orientadora do SAJUG, professora Daniela Teixeira Sinhorini, cuidou pessoalmente da elaboração e execução dos trabalhos. “Acompanhei desde a visita do engenheiro, que fez avaliação da estrutura do complexo, até a contratação da empresa que executou a obra. Depois de muito trabalho conseguimos tornar este projeto importante em uma realidade”, afirma.

De acordo com a coordenadora do SAJUG, professora Sandra Regina Takahashi, o projeto atende a uma reivindicação dos detentos que clamam por melhores condições de saúde dentro da cadeia. “A instalação dos exaustores irá reduzir a temperatura interna das celas e oferecer maior proteção contra a proliferação de doenças”.

Assim como acontece na maioria das cidades brasileiras, a cadeia de Guaíra sofre com a superlotação. São 256 detentos ocupando um espaço físico para 50. O projeto contribui para a melhoria da qualidade de vida dos presos.

Redes sociais>

Horário de Atendimento

Seg. à sex. das 8h30 às 12h e 13h às 17h30
Sáb. das 08h30 às 12h30
Ou ligue: 0800 601 4031