CURSO DE GRADUAÇÃO:

ENFERMAGEM DE GUAÍRA

VOLTAR

Um profissional generalista e completo

O curso de Enfermagem da Unipar se destaca pela sua formação generalista e humanista, exatamente como o mercado exige. Além de versatilidade, ética e conhecimento técnico e científico, a Unipar forma um profissional preparado para atender às necessidades sociais da saúde, com ênfase no Sistema Único de Saúde (SUS), assegurando a integralidade, da atenção e a qualidade e humanização do atendimento. Ao final do curso, você será capaz de reconhecer e intervir nos problemas e situações do processo saúde/doença, atuando na promoção, proteção e recuperação da saúde de pessoas, famílias e da comunidade. Tudo isso com uma ampla visão crítica, reflexiva e ética.

Saúde. Uma área em expansão

Na era da qualidade de vida, as áreas de que concentram o maior número de oportunidades são as que envolvem a promoção da saúde e a prevenção de doenças, como saúde coletiva e atendimento domiciliar. Você também poderá atuar em ambulatórios, clínicas, hospitais, centros e unidades básicas de saúde, empresas de assessoria e consultoria, escolas técnicas e profissionalizantes, instituições de ensino e departamentos de planejamento em saúde pública.

Por que escolher a Unipar

  • Equipe de professores altamente qualificada e com grande experiência na área;

  • Na Unipar você exerce a prática desde o primeiro ano, através de projetos de ensino, extensão e pesquisa;

  • Campos de práticas próprios da Instituição e conveniados

  • Estrutura privilegiada, que inclui laboratórios equipados para simulações do ensino clínico.

Infraestrutura privilegiada

A Unipar coloca a sua disposição uma estrutura completa para você realizar aulas práticas, estágios curriculares e outras atividades que vão complementar e valorizar ainda mais a sua formação. São laboratórios de semiologia, anatomia, microbiologia, bioquímica, fisiologia, histologia e embriologia, farmacologia e microscopia, dentre outros. A Unipar oferece ainda o Centro de Saúde Escola e o Pronto Atendimento Escola, além de hospitais, unidades básicas de saúde e diversas clínicas conveniadas.

MAIS INFORMAÇÕES:

PERFIL DO EGRESSO

O Egresso dos cursos de graduação da Universidade Paranaense - UNIPAR é caracterizado por uma formação profissional atualizada fundamentada nos conhecimentos técnico-científicos, bem como nos princípios éticos e humanísticos voltados à cidadania. Neste sentido, ele se revela como um profissional capaz de reconhecer os problemas do mundo presente, em particular os nacionais e regionais, prestar serviços especializados à comunidade e estabelecer com esta uma relação de reciprocidade.

A partir das competências e das habilidades gerais do egresso do Curso de Graduação em Enfermagem da UNIPAR, consoante o que dispõe o art. 3°, da Resolução CNE/CES n.º 3, de 7/ 11 / 2001, deve ser assegurado, no perfil do formando egresso a formação generalista, humanista, crítica e reflexiva; atento a realidade social, cultural e econômica. Capaz de atuar em todos os níveis de atenção à saúde; dentro dos princípios técnicos e científicos, com sólida formação humanística e ética, voltada ao benefício da comunidade em que exercerá sua profissão.

Competências e Habilidades

Assim, o Curso de Graduação em Enfermagem da Universidade Paranaense – UNIPAR, deve possibilitar, no perfil específico do egresso, as seguintes competências e habilidades relacionas a atenção a saúde, comunicação, liderança, administração e gerenciamento, bem como as competências e habilidades específicas elencadas abaixo:

  • Atuar profissionalmente, compreendendo a natureza humana em suas dimensões, em suas expressões e fases evolutivas;

  • Incorporar a ciência/arte de cuidar como instrumento de interpretação/ profissional;

  • Estabelecer novas relações com o contexto, reconhecendo as estruturas e as formas de organização social, suas transformações e expressões;

  • Reconhecer a saúde como direito e condições dignas de vida e atuar de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema;

  • Assumir o compromisso ético, humanístico e social com o trabalho multiprofissional em saúde;

  • Responder às especificidades regionais de saúde mediante intervenções planejadas estrategicamente, em níveis de promoção, prevenção e reabilitação à saúde, dando atenção integral à saúde dos indivíduos, das famílias e da comunidade;

  • Utilizar o trabalho em equipe e articulação das práticas de cuidado à saúde individual e coletiva para obter vínculo, responsabilidade, eficiência e eficácia no atendimento;

  • Utilizar recursos, instrumentos e métodos de trabalho para orientar e sistematizar a sua prática;

  • Desenvolver formação técnico-científica que confira qualidade ao exercício profissional;

  • Compreender a política de saúde no contexto das políticas sociais, reconhecendo os perfis epidemiológicos das populações;

  • Atuar como sujeito no processo de formação profissional voltada ao desenvolvimento de competência e ao trabalho em equipe, considerando o processo de trabalho como eixo norteador desse processo;

  • Planejar e implementar programas de qualificação contínua dos profissionais de enfermagem de modo a favorecer o desenvolvimento de competência profissional para o cuidado, na perspectiva da integralidade;

  • Desenvolver, participar e aplicar pesquisa e ou outras formas de produção de conhecimento que objetivem a qualificação profissional com crescente domínio e autonomia, segundo o padrão de excelência ético-social;

  • Diagnosticar e solucionar problemas de saúde comunicar-se, de tomar decisões, de intervir no processo de trabalho, de trabalhar em equipe, gerenciar conflitos e situações de crise de forma estratégica e que possibilite aprendizagem dos sujeitos envolvidos no processo;

  • Coordenar o trabalho da equipe de enfermagem, selecionar, priorizar e analisar problemas para construir planos de intervenção, segundo relevância e impacto na transformação da realidade institucional e social;

  • Coordenar e participar ativamente do processo de cuidar em enfermagem, levando em conta contextos e demandas de saúde da população;

  • Exercer a profissão reconhecendo-se como cidadão comprometido e ativador de mudanças das práticas de saúde e do processo de formação profissional;

  • Participar da composição das estruturas deliberativas e executivas do sistema de saúde;

  • Assessorar órgãos, empresas e instituições em projetos de saúde;

  • Reconhecer o papel social do enfermeiro para atuar em atividade política e de planejamento em saúde;

  • Reconhecer a necessidade de organizar-se como trabalhador de saúde, tem disponibilidade interna e participa da lutas por melhores condições de vida e trabalho, comprometendo-se a participar das entidades de classe.

MERCADO DE TRABALHO

O enfermeiro com formação generalista, humanista, crítica e reflexiva, deverá atuar em diferentes cenários da prática com base no rigor científico e intelectual. Capacitado ao exercício profissional nos seguintes campos de atuação:

  • Unidades de Saúde Públicas e Privadas: ambulatórios, clínicas, hospitais;

  • Postos de Saúde, Centros de Saúde, Estratégia Saúde da Família;

  • Rede de Atenção em Saúde: Centros de Atenção Psicossocial;

  • Saúde Complementar;

  • Empresas de assessoria e consultoria;

  • Escolas Técnicas e profissionalizantes;

  • Faculdades e Universidades;

  • Empresas (Equipe de Saúde Ocupacional);

  • HomeCare.

No Art. 11 da Lei Federal nº 7.498/86 encontra-se o embasamento das ações elencada para o exercício das atividades do profissional enfermeiro, sendo:

Privativamente:

  • direção do órgão de Enfermagem integrante da estrutura básica da instituição de saúde, pública ou privada, e chefia de serviço e de unidade de Enfermagem;

  • organização e direção dos serviços de Enfermagem e de suas atividades técnicas e

  • auxiliares nas empresas prestadoras desses serviços;

  • planejamento, organização, coordenação, execução e avaliação dos serviços de assistência de Enfermagem;

  • consultoria, auditoria e emissão de parecer sobre matéria de Enfermagem;

  • consulta de Enfermagem;

  • prescrição da assistência de Enfermagem;

  • cuidados diretos de Enfermagem a pacientes graves com risco de vida;

  • cuidados de Enfermagem de maior complexidade técnica e que exijam conhecimentos de base - científica e capacidade de tomar decisões imediatas.

Como integrante da equipe de saúde:

  • participação no planejamento, execução e avaliação da programação de saúde;

  • participação na elaboração, execução e avaliação dos planos assistenciais de saúde;

  • prescrição de medicamentos estabelecidos em programas de saúde pública e em

  • rotina aprovada pela instituição de saúde;

  • participação em projetos de construção ou reforma de unidades de internação;

  • prevenção e controle sistemática de infecção hospitalar e de doenças transmissíveis em geral;

  • prevenção e controle sistemático de danos que possam ser causados à clientela durante a assistência de Enfermagem;

  • assistência de Enfermagem à gestante, parturiente e puérpera;

  • acompanhamento da evolução e do trabalho de parto;

  • execução do parto sem distócia;

  • educação popular e em saúde visando à melhoria de saúde da população.

Coordenador Daniele Garcia de Almeida Silva
Titulação Enfermeiro
Modalidade Presencial
Período Noturno
Duração mínima 05 anos
Duração máxima 08 anos
Carga horária 4800 h/a
Downloads